Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




SINCEROS PARABÉNS.... Á TAP!

por O Fiscal, em 15.03.15

http://www.publico.pt/economia/noticia/tap-nascida-ha-70-anos-com-liberdade-no-adn-1689090

 

 TAP: Nascida há 70 anos com liberdade no ADN

Companhia comemora o 70.º aniversário neste sábado, num momento em que o Governo tenta concluir a sua privatização com sucesso.

“A TAP é provavelmente a única companhia aérea do mundo cujo fundador é um herói da liberdade”. A frase, da autoria de Frederico Delgado Rosa, neto e biógrafo de Humberto Delgado, o General Sem Medo, abre o texto que assina nas páginas da revista de bordo que este mês está colocada no banco da frente em todos os 77 aviões da TAP, que todas as semanas levantam voo cerca de 2500 vezes.

O orgulho de "certidão de nascimento" da empresa Transportes Aéreos Portugueses ter a assinatura do então tenente-coronel Humberto Delgado é óbvio e a data nela aposta, 14 de Março de 1945, faz com este sábado seja o dia oficial para a comemorações do 70º aniversario da companhia aérea. Humberto Delgado, à frente do secretariado de aeronáutica civil e que à época despachava directamente com Salazar, demitiu-se das funções no exacto dia em que inaugurou o sonho que o levou a exercer o cargo: fazer uma ligação aérea entre Lisboa, Luanda e Lourenço Marques (actual Maputo). 

“Portugal era a única potência  colonial que não tinha uma companhia de bandeira. Humberto Delgado assumiu essa tarefa e o desafio enorme de fazer a ligação às colónias, que estavam a mais de 20 mil quilómetros de distância. Em tempo recorde, a ambiciosa viagem inaugural da Linha Aérea Imperial (assim chamada ao gosto daqueles tempos) teve a sua descolagem no dia 31 de Dezembro de 1946. Humberto Delgado, agastado com a ausência de Salazar, demitiu-se nesse dia”, contou o neto.

“Os genes de liberdade e da ambição, esses, ficaram timbrados no seu ADN”, termina Delgado Rosa, que se escusa a tomar uma posição pública no assunto que mais tem mobilizado as opiniões no que ao futuro da TAP diz respeito: o processo de privatização da empresa, que está já em curso e que tem a data de 15 de maio como limite para a apresentação de propostas. “Tenho deixado bem claro a importância que atribuo à TAP como empresa estratégica de Portugal e a importância que tem para os portugueses. Quem quer que entre num avião da TAP sente que está a entrar em Portugal.”.......(CONTINUA)

Comentários:

 

JOÃO ALEXANDRE-ABRANTES

Aposentado , Abrantes

TAP, uma companhia aérea, uma bandeira, um símbolo em movimento por quase todo o mundo, do Portugal das caravelas. Cerca de 3 anos antes de eu vir ao mundo nasceu esta "estrela"logo pela mão de também um símbolo humano da contemporaniedade portuguesa "Humberto Delgado".Tive o privilégio de voar pela primeira vez na "nossa" Tap no final dos anos 70 em viagem á Madeira e desde aí voei com ela muitas vezes. Voei com outras companhias mas quando entro num avião Tap cá ou fora sinto-me diferente e um português. Hoje ela já tem 70 anos. Parece que ela está a passar quiçá por uma inevitabilidade "a privatização", não estou contente por tal, mas, percebo-a até certo ponto,afinal de contas para o estado a que ela chegou andam por aí muitos responsáveis(ir?) tão, mais ou menos idosos que eu, políticos e não só(alguns a cantar de canário!), mas,espero que ela continue com liberdade no adn ou até que não morra..!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:53



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Março 2015

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D