Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




FIGURAS E ACONTECIMENTOS DE 2016.....

por O Fiscal, em 31.12.16

ESTAMOS MESMO A TERMINAR 2016... VAI-SE SE VENDO, POR TODO O LADO, A VOTAÇÃO DOS DESTAQUES DE PERSONALIDADES E FACTOS MAIS RELEVANTES, A NÍVEL NACIONAL E INTERNACIONAL, DESTE ANO....

DEIXO TAMBÉM AS MINHAS ESCOLHAS:

NACIONAL

- FIGURA.... PEDRO PASSOS COELHO..... vencedor das últimas eleições legislativas a líder, afinal, sim, mas da oposição, após um trabalho deveras extenuante! de quase 4 anos e meio, para recuperação (com êxito!?) do país da situação catastrófica! de 2010/2011, tem-se visto ultimamente, muito mais que antes, denegrido, por todos os lados, mas continua a mostrar uma fibra e compustura rara!(outros por muito menos atiraram a toalha ao chão!?), fiel à sua luta! custe e contra o que custar....

- FACTO..... CAMPEÃO EUROPEU......  feito inédito da nossa selecção nacional de futebol em Paris no verão, fruto de uma organização impecável e perseverança invulgar, aqui também numa luta! custasse e contra o que custasse.....

INTERNACIONAL  

- FIGURA.... ÂNGELA MERKEL..... uma " líder política " de tal grandeza!, que, de nefasta de há anos(como era classificada por certos pindéricos politiqueiros) hoje está transformada num tal"seguro!"democrático europeu (inclusivé pelos tais pindéricos), face às vicitudes que atingem a europa e o mundo.....

- FACTO .... a problemática de dois fenómenos!? quiçá interligados, por todo o mundo, mas, de incidência invulgar nesta nossa europa, como têm sido e estão a ser os de " refugiados / terrorismo ".....

                                                                  

                                                                           

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:03


CADÊ ELES??????????

por O Fiscal, em 30.12.16

POR ONDE ANDARÃO?..... OS JERÓNIMOS / AS CATARINAS / OS E AS VERDES / OS COSTISTAS-XUXAS / OS COMENTARISTAS DOS VÁRIOS COSTADOS / OS JORNALISTAS-ENGRAVATADOS-COM LACINHOS-DE PEITO ABERTO / OS ARMENISTAS IN / OS CARLISTAS UGESTISTAS / UNS CERTOS PRESIDENCIALISTAS / E TANTOS OUTROS...QUE HÁ EM BEM POUCOS ANOS BRADAVAM A PLENOS PULMÕES E ATÉ OBSCENAMENTE CONTRA OS CEGUETAS DEFICITÁRIOS.....MORRERAM?...HIBERNARAM?...EMIGRARAM? OU CONVERTERAM-SE?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:42


ADIVINHE SE FOR CAPAZ????????????

por O Fiscal, em 29.12.16

O PR MARCELO REBELO DE SOUSA CONVIDOU HOJE PARA ALMOÇO PRIVADO EM BELEM O LÍDER DO PSD PEDRO PASSOS COELHO.... PORQUÊ?

- HÁ QUEM DIGA... AH! FOI PARA PR DAR UMA MÃO SOLIDÁRIA A PPC DOS VIOLENTOS ATAQUES;

- HÁ QUEM DIGA... AH! FAZ PARTE DA ESTRATÉGIA DO PR (até em termos de seguro para PM Costa);

- HÁ QUEM DIGA... AH! QUIÇÁ SEJA O PR A QUERER ESTENDER A PPC A CASCA DE BANANA;

- OU SERÁ QUE.... O PR ESTÁ A TER UM " FEELING! " PARA O QUAL PRECISA DE AJUDA DE PPC;

DIGA VOCÊ... EU CÁ DIREI DEPOIS / PARA NÃO ESTRAGAR A FESTA???

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:37

EM CAUSA ««« O CERCO! »».... ANTES DE MAIS UMA DECLARAÇÃO DE INTERESSES/SEM SER VITAL MILITANTE - SIMPATIZANTE PSD, NÃO DEIXO DE SER RECONHECEDOR DO PAPEL - VALOR DA SUA ACTUAL LIDERANÇA NA ÚLTIMA MEIA DÚZIA DE ANOS... DONDE:

É PERFEITAMENTE VISÍVEL AS MANOBRAS(!?) EM CURSO COM VISTA À " DECAPITAÇÃO! " DE PEDRO PASSOS COELHO, TENDO EM ATENÇÃO DE ONDE PARTEM, POR ONDE PASSAM E COM QUE FINS. COMPETE ÚNICA E ESSENCIALMENTE AOS "LARANJAS/LARANGINHAS" A RESOLUÇÃO, NÃO SEM QUE QUEM NÃO O SEJA DEIXE DE TER UMA PALAVRA A DIZER. É ISSO QUE ME TRAZ AQUI. PASSOS COELHO NESTE PERÍODO COMETEU E TEM COMETIDO ERROS, ALGUNS DELES QUIÇÁ ESCUSADOS, MAS, VALHA A VERDADE CONTUDO,  QUE, É O PAPEL DESEMPENHADO NA SUA GLOBALIDADE QUE DEVE SER APRECIADO E AFINAL QUE A HISTÓRIA SE ENCARREGARÁ DE REGISTAR. POR MIM DEIXAVA, NESTA ALTURA QUE ESTAMOS VIVENDO TÃO PROPÍCIA À MEDITAÇÃO, AOS PSD`s, UM ALERTA. RECORDEM-SE DOS TEMPOS VIVIDOS NOS ANOS 79/80 DA QUE ERA A SUA LIDERANÇA E COMO ELA ACABOU(ainda hoje não cabalmente esclarecida/diz-vos quem o viveu de perto, embora na altura no campo político contrário) POIS QUE ME PARECE EXISTIR NO AGORA UMA CERTA SIMILITUDE ADAPTADA NOS TEMPOS.

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:44


HÁ QUE DAR A MÃO À PALMATÓRIA ??????

por O Fiscal, em 21.12.16

EH!... SE BEM ME LEMBRO " DIZIA O SAUDOSO FERNANDO PESSA " ««« E ESTA HEIN! »»».....

ALGUMA VEZ TIVEMOS UM PRESIDENTE DA REPÚBLICA(fosse qual fosse o regime político) COMPARÁVEL AO ACTUAL?

- A BANDEIRA NACIONAL QUASE QUE NEM SE VÊ HASTEADA NO PALÁCIO DE BELEM, O SEU OCUPANTE É, AVESSO A INTERIORES, MAS, É VISTO E OUVIDO DIARIAMENTE NO EXTERIOR EM CORRERIA DE UM LADO PARA O OUTRO(qual tipo el´rei D. Marcelo I);

- OS DIPLOMAS SUJEITOS À SUA APRECIAÇÃO / PROMULGAÇÃO CHEGAM À PORTA DO PALÁCIO E SÃO ASSINADOS NA SUA OMBREIRA(veja-se o que hoje se passou com o OE/2017);

- COM O ACTUAL PRESIDENTE ATÉ DÁ A IMPRESSÃO QUE O NOSSO SISTEMA POLÍTICO JÁ NÃO É SEMI-PRESIDENCIALISTA, NEM SEQUER PARLAMENTARISTA, ASSEMELHA-SE MAIS A UMA MONARQUIA REPUBLICANA;

POIS ... MARCELO REBELO DE SOUSA É MARCELO REBELO DE SOUSA

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:34


QUEM TERÁ RAZÃO???????

por O Fiscal, em 19.12.16

NO FIM DE SEMANA O "IRREQUIETO!" PR Sr. MARCELO REBELO DE SOUSA APARECEU DE SURPRESA NO TEATRO DA CORNUCÓPIA(que havia anunciado ser o seu último dia de vida!) E O QUE LÁ SE PASSOU E DISSE SUA EXª(penso que nem lembraria ao "diabo!") MAS A MINHA SURPRESA É O QUE VEIO DEPOIS COLOCAR NA SUA BLOGOSFERA UM DOS FUNDADORES DAQUELA COMPANHIA / JORGE SILVA MELO (i.e. / com todas as letras) CHAMAR DE MENTIROSO A MARCELO, DANDO COMO TESTEMUNHAS O PM Sr. ANTÓNIO COSTA E A MÃE DESTE Srª MARIA ANTÓNIA PALLA.... CFR. CORREIO DA MANHÃ DE HOJE ....

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:07

DE HÁ UNS TEMPOS PARA CÁ VENHO TENDO A IMPRESSÃO QUE ESTOU A REGRESSAR AOS MEUS TEMPOS DE JUVENTUDE. PORQUÊ?... É QUE EM TERMOS DE ACESSO À INFORMAÇÃO SINTO QUE SE QUERO SABER, VER, CONHECER DETERMINADOS FACTOS( naqueles tempos tinha de ir ouvir às escondidas /vg/ a voz de Argel ou a rádio Moscovo ou a BBC) TENHO DIFICULDADE(agora tenho de recorrer por/ex./ ao Observador on line)!!!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:25

https://www.publico.pt/2016/12/16/politica/noticia/ha-quinze-anos-do-pantano-ao-pais-de-tanga-1755016

Há quinze anos, do pântano ao país de tanga

Hecatombe eleitoral autárquica do PS que motivou a demissão de António Guterres foi na noite de 16 de Dezembro de 2001. Que “pântano” era este que ainda hoje o termo se lhe cola à pele?

Em 2001, Guterres, então primeiro-ministro de um Governo sem maioria absoluta, demitiu-se na sequência de uma derrota do PS nas eleições autárquicas
Em 2001, Guterres, então primeiro-ministro de um Governo sem maioria absoluta, demitiu-se na sequência de uma derrota do PS nas eleições autárquicas

Há quinze anos, o agora secretário-geral da ONU fechava a noite eleitoral autárquica a anunciar, de forma inesperada, quase à uma da manhã, em directo na televisão, que iria pedir ao Presidente da República a sua demissão do cargo de primeiro-ministro, depois de conhecida a hecatombe dos socialistas nas urnas. António Guterres justificou a sua saída com a necessidade de evitar que o país mergulhasse no “pântano”.

Tal como a sua imagem titubeante, à porta dos Hospitais da Universidade de Coimbra, a tentar calcular 6% do PIB nacional, o termo “pântano” colou-se à pele de Guterres e talvez não tenha sido bem percebido pela opinião pública. Já a oposição aproveitou o termo para o acusar de “incapacidade de governar”, lembram Maria de Belém Roseira e Alberto Arons de Carvalho, secretário de Estado da Comunicação Social dos dois governos de Guterres.

Até certo ponto era, de facto, incapacidade – não por ignorância mas por falta de condições para governar. Com exactamente metade do Parlamento, 115 deputados, o PS conseguiu rechaçar três moções de censura, mas precisou da mão do CDS para aprovar o orçamento de 2000 e da do deputado Daniel Campelo (contra o resto do CDS) para o do ano seguinte. E não conseguia fazer passar políticas estratégicas, recorda Roseira. “Há mínimos denominadores comuns que é possível encontrar em muitas matérias e temos que estar unidos em questões de regime. Mas em muitos casos a política partidária parece que tem a cultura do futebol”, diz a ex-ministra, que acrescenta que a oposição “infernizou a vida” do Governo de Guterres. Lembra a ridicularização da “paixão pela educação”, quando foi lançada a rede do pré-escolar que hoje a direita considera essencial.

Arons de Carvalho admite que as autárquicas foram o “espelho” da crise política parlamentar e que Guterres preferiu “clarificar” a questão do poder para evitar continuar com um país “paralisado e enfraquecido”. Até porque, considera, se Guterres prolongasse a tomada de decisão, o PS ficaria “ainda mais fragilizado quando tivesse que ir às eleições”.  

As legislativas antecipadas de Março de 2002 deram a vitória ao PSD de Durão Barroso que formou um Governo de coligação com o CDS. Nesse executivo, José Luís Arnaut foi ministro-adjunto do primeiro-ministro, depois de ter sido o coordenador autárquico do PSD nas eleições de 2001. O antigo governante recorda que “havia uma grande instabilidade do Governo socialista”, já que nem o PSD nem o PCP eram parceiros do executivo. “O PS começava a estar cansado”, diz.

Apontando o “pântano” como um previsível “impasse político”, José Luís Arnaut considera que o então primeiro-ministro “teve lucidez e interpretou as eleições como os portugueses interpretaram”, mostrando que “não estava apegado ao poder”. O antigo secretário-geral do PSD lembra que a situação económica “estava complicada” por não terem sido feitas as reformas necessárias como aconteceu em Espanha, por exemplo. Daí que o discurso do pântano se tivesse transformado num outro celebrizado por Durão Barroso: “Saímos de um país do pântano para o reconhecimento de um 'país de tanga'.”

Outro ministro desse Governo de Durão Barroso, Luís Marques Mendes, também atribui a demissão de Guterres à falta de condições de governabilidade. Mas lembra que as leituras nacionais de eleições autárquicas não devem ser a regra. Para o antigo ministro dos Assuntos Parlamentares, o “pântano” existia desde que Guterres tinha sido reeleito em 1999 sem maioria parlamentar: “Não há situação mais pantanosa do que o Orçamento do Queijo Limiano”.

O cansaço e o desgaste de um executivo minoritário são também os motivos apontados por outro membro do então Governo PSD/CDS para justificar a atitude de Guterres. “O eng. António Guterres tinha perdido a mão no Governo e no partido”, afirma Nuno Magalhães, na altura secretário de Estado da Administração Interna, indicado pelo CDS. O actual líder da bancada centrista considera que o então primeiro-ministro fez uma “boa leitura” dos resultados eleitorais. Essa derrota foi compreendida por Guterres “como pessoa inteligente que é” e foi “o pretexto de que precisava”, observa Nuno Magalhães.

Esta é também a leitura do politólogo António Costa Pinto, que diz que foi uma maneira airosa de Guterres preservar algum capital para o seu futuro político – ainda que tenha acabado por preferir, até agora, uma carreira exclusivamente internacional. O “pântano” a que se referia Guterres era a soma da sua falta de capacidade de manobra parlamentar com a crise internacional que se adivinhava à porta e que exigia, disse então, “uma resposta denodada”. E o então primeiro-ministro, com Almeida Santos, Ferro Rodrigues e António Vitorino, foi explícito naquela noite: se ele passasse pelas eleições como se nada fosse, “o país cairia inevitavelmente num pântano político que minaria as relações de confiança entre governantes e governados que são indispensáveis para que Portugal possa vencer os desafios que tem pela frente”.

Costa Pinto diz que o pântano foi o “grande exemplo da extrema dificuldade do PS de formar governos maioritários à esquerda” e lembra que Guterres “encerrou o ciclo virtuoso da adesão à CEE e subsequente desenvolvimento económico e mudança social e abriu o ciclo da estagnação”, ou seja, o tal pântano que dizia querer evitar. Se evitou o pântano político, acabou por não evitar o económico. 

 

comentários:

JOÃO ALEXANDRE-ABRANTES

Pois!!!.... a história do " pântano! " de António Guterres, continua sem ter um cabal esclarecimento, que, quiçá, nem ele próprio alguma vez quis dar ou será que deu?... quando lá atrás se especulava que Guterres seria o potencial candidato às eleições presidenciais de Janeiro de 2016(coisa que ele aliás deixou alimentar até certa altura) era por demais evidente que tal nunca iria acontecer, como os tempos actuais confirmam... pelo que, não concordo com qualquer das tentativas do seu descodificar aqui expressas(na minha opinião a que mais se aproxima é de Nuno Magalhães/sic. "o eng. A.G. tinha perdido a mão no Governo e no partido"). De facto, como, manifestei sempre, Guterres demitiu-se quando se apercebeu(tarde de mais!) do seu "erro!" nos "jovens!?) que trouxe para a ribalta PS!!!!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:05

EIS DUAS AFIRMAÇÕES DOS DIAS DE HOJE, BOMBÁSTICAS!?(qb) QUE NOS DEVEM POR A PENSAR: "aspessoas não se sentem tão pobres, mas estão tão pobres como antes"

https://www.noticiasaominuto.com/vozes-ao-minuto/697349/isabel-jonet.................... Isabel Jonet

 

                        ----------------------- // ----------------------

Relatora da ONU sobre habitação em Portugal: “Algumas das condições que vi são deploráveis”

“Houve pessoas que me disseram que sentem que o Governo as trata como animais, que têm medo de perder os seus filhos para as autoridades por causa das condições inadequadas de habitação em que vivem”...............................Leilani Farha, Relatora Especial da Organização das Nações Unidas

https://mail.google.com/mail/?tab=wm#inbox/158fc7a42f9db2a1...                              

Expresso Curto....... 14 de Dezembro de 2016

https://www.publico.pt/2016/12/13/sociedade/noticia/nao-se-pode-demolir-uma-casa-sabendo-que-a-pessoa-vai-ficar-semabrigo-1754581

Entrevista - 3 de Dezembro de 2016

 

Expresso Curto

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:08


ELE HÁ CADA CABECINHA PENSADORA!

por O Fiscal, em 13.12.16

https://www.publico.pt/2016/12/12/politica/noticia/rio-rio-sugere-imposto-para-pagar-divida-publica-1754574

Rui Rio sugere imposto para pagar juros da dívida pública

Social-democrata lançou ideia de reduzir impostos como o IVA, IRC e IRS para criar um novo para pagar os juros da dívida.

Rui Rio na conferência desta segunda-feira no Porto
Rui Rio na conferência desta segunda-feira no Porto

O ex-presidente da Câmara do Porto Rui Rio sugeriu nesta segunda-feira uma redução do IVA, do IRS e do IRC para, em contrapartida, ser criado um imposto consignado ao pagamento dos juros da dívida pública.

E acrescentou: “um imposto que teria, portanto, de dar uma receita no próximo ano de 8300 milhões de euros”.

Por contraposição, outros impostos baixariam em igual montante e, assim, não haveria aumento da carga fiscal, mas os portugueses saberiam que ao pagarem o imposto, aquela verba não seria para a Saúde, Educação e obras públicas, mas para pagar os juros decorrentes das dívidas contraídas há anos, considerou.

“Os impostos, penso que não podem ser consignados, mas o IMI também não pode ser para o Estado e vai ser uma parte dele para o Estado”, disse.

Segundo Rui Rio, é importante que todos entendam que aquilo que se gasta hoje a mais vai ter implicações no futuro.

 

comentários:

JOÃO ALEXANDRE-ABRANTES

Mas que "ideia!" genial...ainda não ouvi as reacções(p.ex.), socialista de João Galamba / Pedro Nuno Santos ou bloquista de Catarina / Mortágua ou comunista de Jerónimo / A. Filipe, acho que devem estar a marimbar-se , mas, e da tal direita!? de Passos / M.Luis ou Cristas / J. Almeida, acho que devem estar a rir-se à gargalhada...seja lá como for, mas, que não deixa de vir de uma grande cabeça disso não há dúvida nenhuma... e o que pensarão A. Costa / Marcelo...Por mim penso que se é este o tal D. Sebastião que tantos iluminados que por aí botam palavra nas diversas áreas influentes ( do poder à partidarite passando pela via mediática) querem trazer para a ribalta!? partidária do " centrão ", direi única e simplesmente que ««vou ali e já venho pois a emenda quiçá é pior que o soneto»»!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:24

Pág. 1/2



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Dezembro 2016

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031



Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D