Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




UM POUCO MAIS DE COERÊNCIA, sff

por O Fiscal, em 25.10.14

http://www.publico.pt/politica/noticia/passos-acusa-comentadores-e-jornalistas-de-serem-pateticos-e-preguicosos-1674133

Passos acusa comentadores e jornalistas de serem “patéticos” e “preguiçosos”

Primeiro-ministro encerrou jornadas parlamentares da maioria PSD/CDS.

Numa intervenção sobre o Orçamento do Estado para 2015, Passos Coelho virou-se contra os jornalistas e comentadores. “Preguiçosos” e “orgulhosos” foram as palavras que usou para qualificar o que se ouve nas televisões e se lê nos jornais, e que considerou ser “patético”.

O momento mais inflamado do discurso – que encerrou as jornadas parlamentares da maioria PSD/CDS – aconteceu quando o primeiro-ministro atacou comentadores, depois de se ter referido a jornalistas também. “Todos os comentadores e jornalistas podem olhar para os números e saber o que eles dizem”, afirmou, para logo lamentar: “Pena que para neste exercício de coerência muitos sejam preguiçosos e às vezes orgulhosos. Têm-se dito no debate público inverdades como punhos”.

Depois, Passos Coelho, falando sempre num Orçamento coerente, sublinhou que a despesa pública caiu, mas que isso não é reconhecido. “Pasme-se que imensa gente escreveu e anunciou publicamente que não era assim. Estávamos como em 2011, estamos na mesma. É oficial, se ouvirmos as televisões, lermos nos jornais, os cortes não existiram, os sacrifícios e austeridade não existiram, os portugueses estão equivocados, estamos como estávamos em 2011”, ironizou. “Chega a ser patético verificar a dificuldade de gente que se diz independente tem de assumir que errou, que foi preguiçosa, que não leu, que não estudou, não comparou, que não se interessou, a não ser em causar uma boa impressão de dizer ‘Maria vai com as outras’, o que toda gente diz porque fica bem”, afirmou, arrancando uma forte salva de palmas.

Sem nunca se referir a nomes ou perfis dos comentadores, Passos Coelho desafiou a que se retractassem. “Quando o Governo erra exige-se que peça desculpa – já aconteceu – e dê a mão à palmatória. Mas, se nós podemos reconhecer os nossos erros, porque é que aqueles que informam os portugueses e informam mal não devem dar a mão à palmatória e pedir desculpa?”, questionou. Depois, o primeiro-ministro exigiu ainda “rigor” na informação que é prestada aos portugueses pelos partidos da oposição........

Comentários:

JOÃO ALEXANDRE-ABRANTES

Aposentado , Abrantes

Como expectador e leitor atento, também acho que há por aí muitos comentadores/analistas/jornalistas, quiçá um tanto " preguiçosos/orgulhosos/mesmo até patéticos! ", alguns deles pagos a peso de oiro(sem que aos portugueses seja sequer possível, pelo menos, saber como é feita a sua tributação fiscal por tal desiderato), diria até mais, que movidos por "uns certos ódios de estimação", pelo que, não me custa nada reconhecer alguma razão ao sr. PM, mas, como também e felizmente têmos alguns bons profissionais na área, entendo, que não assiste ao sr. Pedro Passos Coelho o direito " á generalização ", pois de duas uma, ou se tem a coragem de " por o nome aos bois " ou é preferível não enveredar pelo que quiçá seja " pura demagogia "...!!!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:35

http://www.publico.pt/politica/noticia/exviceconsul-foi-interrogado-mas-faltaram-condicoes-para-o-colocar-em-prisao-preventiva-1674078

 

Ex-vice-cônsul foi interrogado mas faltaram requisitos para o colocar em prisão preventiva

Adelino Vera-Cruz Pinto é procurado pela Interpol por suspeita de burla a uma Igreja no Brasil. Foi visto ao lado de António Costa na noite das primárias do PS.

Multimédia

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:26


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Outubro 2014

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D