Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




ELE HÁ COM CADA DILEMA!

por O Fiscal, em 08.10.14

Tem de se matar um cão por causa do ébola em Espanha?

Marido da auxiliar contaminada luta nas redes sociais para que não matem o animal de estimação do casal.

http://www.publico.pt/ciencia/noticia/tem-de-se-matar-um-cao-por-causa-do-ebola-em-espanha-1672154

Javier L. R., marido da auxiliar de enfermagem contaminada com o vírus do ébola, lançou um veemente apelo nas redes sociais e através de várias associações de defesa dos animais para tentar evitar que matem o cão do casal, Excalibur.

Segundo revela o El País, o animal encontra-se, neste momento, sozinho em casa.

“Olá, chamo-me Javier L. R., sou o marido da auxiliar contaminada com ébola por tratar de forma voluntária os doentes contaminados que foram repatriados para Espanha”, assim começa a mensagem do cidadão espanhol. Depois, continua, afirmando que quer “denunciar publicamente que um tal Zarco, creio que é o chefe delegado de saúde da comunidade de Madrid, me disse que querem matar o meu cão, assim, sem mais nem menos”.

Javier acrescenta que recusou dar o seu consentimento para abaterem o animal, pelo que diz ter sido ameaçado com uma ordem judicial para entrarem à força na sua casa “para sacrificarem” o cão. “Antes de vir para o hospital deixei-lhe vários baldes de água, a banheira também cheia e um saco com 15 quilos de comida. Também lhe deixei terra para que faça as suas necessidades”, revela.

“Se estão tão preocupados com este problema porque não procuram outro tipo de soluções como, por exemplo, colocar o cão de quarentena como fizeram comigo. Ou então, na dúvida, também me sacrificam? Mas, claro, com um cão é mais fácil, não importa tanto”, conclui.

Comentários:

JOÃO ALEXANDRE-ABRANTES

Aposentado , Abrantes

Ora aqui está um " caso problemático "....por um lado compreende-se a atitude do sr. Javier L.R., por outro lado a situação para as autoridades não é nada fácil...confesso que, para quem vê no " fiel amigo " algo como eu vejo, muito dificilmente não seguiria o procedimento de Javier...contudo...mesmo tendo em vista as suas responsabilidades...será que as entidades oficiais já concluiram e se pronunciaram do porquê e sua inevitabilidade quanto ao abatimento do Excalibur e disso fizeram bem ciente quem, na impossibilidade de manifestação de vontade própria, por ele falará em sua defesa?...pelo que...na dúvida...solidarizo-me integralmente com Javier...!!!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:21


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Outubro 2014

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D