Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




TALVEZ FOSSE CONVENIENTE!

por O Fiscal, em 11.07.14

 

POR VEZES...HÁ TODA A CONVENIÊNCIA...EM FAZER UM ESFORÇO PARA COMPREENDER.....

 

É O CASO A PROPÓSITO DE POSIÇÕES DO SR. DANIEL BESSA....ORA VEJA-SE:

 

http://www.publico.pt/economia/noticia/daniel-bessa-o-responsavel-numero-um-da-nossa-desgraca-e-um-banqueiro-central-1662484

 

 

                                 Multimédia

Daniel Bessa: "O responsável número um da nossa desgraça é um banqueiro central"

 

 

O economista comparou o ex-primeiro-ministro José Sócrates com "aquele egípcio que tomou os comandos do Boeing que se precipitou sobre as Torres Gémeas".

O economista e ex-ministro da Economia Daniel Bessa afirmou no Porto que "o responsável número um da nossa desgraça é um banqueiro central", cujo nome, porém, omitiu.

"O engenheiro Sócrates é muito responsabilizado, e não há ninguém que o responsabilize mais do que eu, mas eu vejo-o como aquele egípcio que tomou os comandos do Boeing que se precipitou sobre as Torres Gémeas", comparou Daniel Bessa.

O economista, que fez parte de um Governo do primeiro-ministro socialista António Guterres, falava no jantar-debate promovido pela Associação Portuguesa de Gestão e Engenharia Industrial (APGEI), que teve como orador convidado o governador do Banco de Portugal, Carlos Costa.

Daniel Bessa disse que "já o Boeing ia a caminho das Torres Gémeas e ele [José Sócrates], no cumprimento de um guião qualquer, sentou-se ao comando, acelerou quanto pôde e, connosco lá dentro, enfiou-se contra as Tores Gémeas". "É um destino, não tem nada de mal, cada um cumpre a sua função na vida e portanto ficará para a história por isso. Mas essa não é a responsabilidade maior. A responsabilidade maior é do mentor, não é do executante, e o mentor estava no Banco de Portugal", prosseguiu Daniel Bessa, fazendo rir a assistência.

Segundo o economista, o mentor "disse que a partir da entrada no Euro, uma pequena economia aberta e financeiramente integrada, no regime de moeda única, não tem restrições financeiras. Endividar até sempre".

Bessa referiu-se antes a Carlos Costa como sendo "um banqueiro central atípico, que pensa nas questões da economia, do desenvolvimento e do futuro", referindo que o governador do Banco de Portugal "deu a entender" na sua conferência que "isto com consumo não é sustentável". "O caminho, é exportar, exportar, exportar", frisou.

 

Comentários:

JOÃO ALEXANDRE-ABRANTES

Aposentado , Abrantes

Muita gente andará confusa ácerca do sr. Daniel Bessa e do que ele vem proclamando...para mim..que venho acompanhando as suas posições(v.g. nas suas crónicas do expresso, intervenções televisivas e em diversos fóruns) não há qualquer surpresa...trata-se de um opinador da área mais próxima do PS " á prova de bala " desde há muito, só que ultimamente muito mais solto nas suas apreciações...por exemplo esta aqui sua intervenção(visando o ex-PM sr. Sócrates e o ex-GdP sr. Constâncio) conjugo-a com a que teve na passada 2ªfeira no programa da TVI24 "olhos nos olhos"onde acabou por deixar subjacente que a actual problemática do nosso país nasceu no segundo governo do sr. Guterres,de que fez parte até o abandonar...!!!!

 

ADENDA - POIS É...DE FACTO A NOSSA " PROBLEMÁTICA ACTUAL " COMEÇOU NO DEALBAR DO SÉCULO XX/NASCIMENTO DO XXI...NA PR ESTAVA O SR. JORGE SAMPAIO - EM PM O SR. ANTÓNIO GUTERRES E NO BdP O SR. VÍTOR CONSTÂNCIO....

                  

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:15


QUEM TEM ESTADO A ARRASAR O PAÍS?

por O Fiscal, em 11.07.14

 

 

http://www.publico.pt/economia/noticia/mario-soares-diz-ser-inaceitavel-que-se-faca-tudo-para-arrasar-o-pais-1662453

 

Mário Soares diz ser “inaceitável” que se faça tudo para “arrasar o país”

O antigo Presidente da República Mário Soares disse nesta quinta-feira "acreditar profundamente" no povo, mas lamentou, sem indicar nomes, que sejam alguns portugueses a fazer tudo "para arrasar" o país.

"Acredito em Portugal, profundamente. No povo português. Mas nós fizemos tudo e estamos a fazer tudo para arrasar o nosso próprio país e isso é inaceitável, de maneira nenhuma aceitável"....

 

Comentários:

JOÃO ALEXANDRE-ABRANTES

 

Aposentado , Abrantes

 

 

O sr. Mário Soares...á beira dos seus quase 90 anos de idade...disse hoje algo que considero " inolvidável "....(sic.).... ...«« Acredito em Portugal, profundamente. No povo português. Mas nós fizemos tudo e estamos a fazer tudo para arrasar o nosso próprio país e isso é inaceitável, de maneira nenhuma aceitável »»...quiçá lhe esteja finalmente a aflorar um certo sopro de consciência...pois que...ele parece reconhecer que afinal não serão sómente uns tais actuais responsáveis mas também outros que lhes antecederam a quem serão imputáveis uns certos "desmandos!" propícios ao que ele considera ser um arrasamento do país...ora...não poderia estar mais de acordo e também eu apesar de tudo acredito em Portugal e no povo português...!!!!

 

ADENDA - JÁ AGORA...POR QUE NÃO LEMBRAR AQUI A PROPÓSITO O PAPEL DE CERTOS(?) "POLITICÕES" DO PS QUE EM 

                          MINHA OPINIÃO MUITO TÊM VINDO A CONTRIBUIR DESDE HÁ POUCO MAIS DE UM MÊS PARA QUIÇÁ TAMBÉM O TAL

                          "ARRASAR!"...DIRECTO DO PS/INDIRECTO DO PAÍS:

http://www.publico.pt/portugal/noticia/mario-soares-diz-que-resultado-do-ps-foi-vitoria-de-pirro-1637617

 

Mário Soares diz que resultado do PS foi "vitória de Pirro"

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:14


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Julho 2014

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D