Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




REFORMA DO ESTADO?...NÃO ME FAÇAM RIR...

por O Fiscal, em 17.10.13

 

 

  http://www.publico.pt/economia/noticia/reforma-do-estado-nao-avanca-porque-ha-muitos-interesses-instalados-diz-cesar-das-neves-1609506

 

Reforma do Estado não avança porque “há muitos interesses instalados”, diz César das Neves

O professor universitário João César das Neves afirmou nesta quinta-feira que “nunca ninguém fez a reforma” do Estado e “nunca ninguém a vai [conseguir] fazer”.

Numa conferência organizada pela Universidade Católica de Lisboa para debater o Orçamento do Estado (OE) para 2014, o economista disse que, enquanto partidos do arco da governação, PS e PSD “fizeram o mesmo em termos de reforma do Estado, porque os interesses instalados não deixaram” avançar com aquilo que considera ser uma verdadeira reforma. E exemplificou: “Não se pode despedir os funcionários públicos neste país”.

César das Neves foi mais longe e defendeu que “os grupos instalados não são os ricos, esses também existem, mas são poucos. O problema são aqueles que conseguem manter uma série de benefícios”.

“Dos 13 mil milhões previstos, cortámos dez”, sustentou o economista, para explicar que houve um avanço na diminuição da despesa pública. No entanto, advertiu para o carácter “pontual e não permanente” das medidas, enquanto o membro da Comissão Política e Económica do PS, Óscar Gaspar, a participar na mesma conferência, acusou o Governo de não ter feito “o trabalho de casa”, considerando que um OE que corte salários e pensões é “de malandro”.

O antigo ministro das Finanças de Cavaco Silva, Miguel Beleza, está de acordo com César das Neves e aponta o que considera ser um número exagerado de professores ou juízes como exemplo da necessidade de reformar o Estado.

Já o jurista e presidente eleito da Câmara Municipal de Sintra, Basílio Horta, voltou a sublinhar a posição socialista de que a estratégia do Governo “não é o caminho” certo. Referindo-se ao OE para 2014 como o “terceiro orçamento de Vítor Gaspar”, o jurista espera que o Tribunal Constitucional “ponha o Estado de direito na ordem e que o defenda”.

Horta questionou ainda a insistência numa estratégia que considera ser “errada” e afirma que, “entre a dívida e as pessoas”, prefere as pessoas.

No entanto, César das Neves acredita que não há alternativa às medidas acordadas com os parceiros europeus, contrapondo que qualquer outro cenário seria pior. E a escolha, diz, é entre continuar ou não na União Europeia. Seria como escolher entre “ser como a Irlanda ou ser como a Coreia do Norte”.

Em relação ao limite do défice fixado pela troika, Miguel Beleza considerou que teria sido “aceitável” se a meta para 2014 tivesse ficado em 4,5%, por oposição aos 4% fixados com a missão externa.
 

   

Comentários:

    

JOÃO ALEXANDRE-ABRANTES

Aposentado , Abrantes

De facto "Reforma do Estado" tem sido algo...diga-se em abono da verdade...nem este actual governo nem qualquer outro anterior...alguma vez "quiz" ou "conseguiu"meter ombros...têm "enchido a boca"com tal propósito quando estão no poder depois quando estão na oposição " aqui d´el rei " que o que eles querem é destruir o Estado e vice versa...veja-se por exemplo...neste governo há quanto tempo anda o ministro sr. Paulo Portas a prometer o celebérrimo " guião "...certamente não o é " os cortes " de que se fala...e dizem os PS´s " ah! o governo não faz o trabalho de casa/limita-se a fazer cortes de salários e pensões " por malandrice " esquecendo-se do que fizeram e propuseram há pouco mais de 2 anos no tempo do seu governo Sócrates...sabem...quem tiver dúvidas é ir a google "OE-2011 e PECIV"!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:15


MAS COMO É QUE É POSSÍVEL?...PARTE II

por O Fiscal, em 16.10.13

DECORRERAM SÓ 3 DIAS SOBRE O SUBJACENTE AO MEU POST DO DIA 14...

 ENTÃO NÃO É QUE...HOJE VOLTEI A FICAR " PERPLEXO " AO LER AS SEGUINTES NOTÍCIAS:

 

I - http://www.publico.pt/politica/noticia/porque-e-que-o-presidente-da-republica-nao-e-julgado-no-caso-bpn-pergunta-soares-1609373

 

"Por que é que o Presidente da República não é julgado" no caso BPN?, pergunta Soares

Antigo Presidente da República diz que "todos roubaram" no caso BPN.

 

 

O antigo Presidente da República Mário Soares questionou nesta quarta-feira a razão por que o actual chefe de Estado não é julgado por causa do caso BPN, considerando que nenhum responsável respondeu perante a justiça.

Falando a propósito das recentes declarações do Presidente angolano acerca do fim da parceria estratégica com Portugal e sobre a responsabilidade do ministro dos Negócios Estrangeiros, Mário Soares recuperou o caso do BPN, questionando as razões por que ninguém foi julgado.

"Nunca ninguém julgou, todos roubaram, mas nunca julgou, como é sabido. Por que é que o Presidente da República não é julgado?", questionou Mário Soares, que falava aos jornalistas no final de um almoço na Associação 25 de Abril, numa iniciativa promovida pelo blogue Ânimo, integrada nas comemorações do 40.º aniversário da "Revolução dos Cravos"
Interrogado sobre se entende que o actual chefe de Estado, Aníbal Cavaco Silva, deveria ser julgado, Mário Soares respondeu apenas sobre a ausência de intervenção do Presidente da República.

"O Presidente da República deve intervir, se quiser ser Presidente da República. Agora, se ele quer chefe de um partido, é outra coisa...", disse, insistindo depois que Cavaco Silva "é chefe de um partido".

 

II -  http://www.publico.pt/politica/noticia/mario-soares-afirma-que-orcamento-para-o-proximo-ano-e-horrivel-1609375

 

Mário Soares afirma que Orçamento para o próximo ano é "horrível"

 

O antigo Presidente da República Mário Soares considera que o Orçamento do Estado para 2014 é “horrível”, acusando o Governo de maioria PSD/CDS-PP de querer acabar com o Estado social e com a Constituição......Contudo, acrescentou, “mudar a Constituição é impossível”, pois são necessários os votos de dois terços dos deputados na Assembleia da República..... “Este Governo não só está a destruir completamente Portugal, vendendo tudo ao desbarato, como está a não cumprir a Constituição”, disse, insistindo na necessidade de defender a democracia. “Não basta falar, é preciso agir”, frisou.

 

 

  É CASO PARA PERGUNTAR:

                                       ___TENDO EM VISTA AS INQUIETAÇÕES MANIFESTADAS PELO SR. MÁRIO SOARES, DESIGNADAMENTE, SOBRE ACHAR QUE

                                            NO GOVERNO HÁ VÁRIOS DELINQUENTES E NÃO PERCEBER PORQUE É QUE O PR NÃO É JULGADO NO CASO BPN É CASO

                                            PARA CONCLUIRMOS QUE DÁ MESMO A IMPRESSÃO QUE MS CONHECE ALGO QUE A GRANDE MAIORIA DE NÓS OS POR-

                                            TUGUESES DESCONHECEMOS, PELO QUE SENDO ASSIM, POR UM LADO IMPÕE-SE QUE A PGR ESCLAREÇA QUAL A SUA

                                            POSIÇÃO SOBRE ESTA MATÉRIA E POR OUTRO ESTAR ATENTO SE HAVERÁ ALGUMA REACÇÃO PERANTE A JUSTIÇA POR

                                            PARTE DO SR. PM EM NOME DO GOVERNO E POR PARTE DO PR SR. CAVACO SILVA;

                                       ___ENTENDENDO O SR. MÁRIO SOARES QUE ESTE GOVERNO ESTANDO A DESTRUIR O PAÍS E NÃO CUMPRINDO A CONSTI -

                                            TUIÇÃO SE TORNA NECESSÁRIO DEFENDER A DEMOCRACIA MAS NÃO BASTANDO FALAR SENDO PRECISO AGIR.....SERÁ

                                            QUE MS ACHA QUE SÓ HÁ UMA DEMOCRACIA/A QUE ELE ENTENDE?

                                       ___SERÁ QUE HÁ ALGUM PORTUGUÊS QUE AINDA NÃO TENHA PERCEBIDO O QUE VEM MOVENDO O SR. MÁRIO SOARES?...

                                            ....BEM...NA MINHA OPINIÃO...SIMPLESMENTE " ÓDIOS "...

                                           

                                          

  

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:52


AFINAL...NÃO SE COMPREENDE !

por O Fiscal, em 16.10.13

http://www.publico.pt/economia/noticia/subvencoes-dos-politicos-suspensas-para-quem-tem-outros-rendimentos-superiores-a-2000-euros-1609205

 

 

Subvenções dos políticos suspensas para quem tem outros rendimentos superiores a 2000 euros

Orçamento prevê suspensão de subvenções a quem ganha mais de 2000 euros por mês, sem contar com a subvenção, ou tem mais de 100 mil euros em acções.

 

   

Comentários:

     

JOÃO ALEXANDRE-ABRANTES

Aposentado , Abrantes

Confesso que...achei bem a tomada de posição do governo da suspensão das subvenções dos políticos(embora tardia)...é justo que haja uma condição de recurso...acho incompreensível a excepção de aplicação aos ex-PR´s...esperemos...que haja o bom senso...ou dos deputados na AR aquando da discusão do OE em aprovarem a eliminação de tal excepção ou dos próprios usufruidores em repudiá-la desde já á priori...reclama-o o sentido de justiça e moralidade que assim aconteça em nome da solidariedade que a todos se impõe face ás contingências que lhe dão causa...tanto mais que em qualquer dos casos pessoais abrangentes/embora a legalidade da percepção não esteja em causa/é do conhecimento público que se trata de personalidades com rendimentos bastante acima da média de todos nós portugueses...!!!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:47


MAS COMO É QUE É POSSÍVEL?

por O Fiscal, em 14.10.13

ONTEM FIQUEI " PERPLEXO " AO LER A SEGUINTE NOTÍCIA:

 

  http://www.publico.pt/politica/noticia/mario-soares-diz-que-alguns-membros-do-governo-sao-delinquentes-1608973#

 

Mário Soares diz que alguns membros do Governo são “delinquentes”

Histórico socialista diz que o Governo está "moribundo" e que não se aguenta até Junho. Cavaco Silva "não sabe o que está a fazer", afirma.

Multimédia

 

O Governo, o primeiro-ministro, o Presidente da República, a troika e os mercados. O antigo Presidente da República, Mário Soares, não poupa ninguém nas críticas. Em entrevista à TSF e ao Diário de Notícias, divulgada neste domingo, Soares diz que alguns membros do Governo são “delinquentes” e “têm que ser julgados, depois de saírem do poder”.

“Este Governo não tem rei nem roque, nem sabe o que quer, nem sabe para onde vai”, resume Soares, censurando um Governo que diz estar “moribundo” e que quer “acabar com o Estado social”. E acredita que os responsáveis da governação “vão cair muito antes” de Junho, altura em que está previsto o fim do programa de assistência da troika de credores internacionais. “É inevitável. Antes que o ódio do povo se torne violento.”

Soares acredita que “uma parte do Governo, não são todos, claro, é um Governo de delinquentes” e defende que “estes senhores têm de ser julgados, depois de saírem do poder”.

Sobre Passos Coelho, a quem elogiou numa primeira fase admitindo depois que estava “enganado”, não percebe como é que ainda se aguenta no cargo. “Como é possível que o primeiro-ministro não se demita ele próprio, depois de saber que é vaiado em toda a parte, que ninguém o toma a sério, nem no estrangeiro nem em Portugal, e continue agarrado ao poder, como uma lapa?”

“[Passos Coelho] vai acabar muitíssimo mal como um amigo dos delinquentes. Desde Relvas a Machete”, prevê Mário Soares, que tece duras críticas ao ministro dos Negócios Estrangeiros, Rui Machete (que foi vice-primeiro-ministro de Soares em 1985, no Governo de coligação PS/PSD), por também ele não se ter demitido. “Como é que é possível que alguém, que foi uma pessoa que parecia simpática e séria, de repente aparece com a situação que se sabe. E não se demite…”, afirma o antigo Presidente da República.

Para substituir Passos, diz que é preciso um primeiro-ministro “que governe o país com patriotismo e sentido de Estado”. No fundo, “um governante com alma, que saiba falar com o povo e saiba ouvir e cumprir a Constituição e a democracia”. Questionado sobre se acha que António José Seguro está preparado para ser essa alternativa, responde que “está, com certeza”, uma vez o líder do PS “tem dito frequentemente que vai ser primeiro-ministro”. “Se ele diz isso é porque quer ser e tem alternativa desde que haja eleições."

Defende, como já tinha feito no passado, que Portugal, à semelhança da Argentina, não deve pagar a dívida à troika de credores internacionais, a quem acusa de estar a “roubar” o país, pressionada pela “malandragem dos mercados e dos usurários”.

Mário Soares não esquece também o actual Presidente da República, Cavaco Silva, criticando-o por ainda não ter falado depois da “trapalhada” que foi “ter aguentado um Governo que não queria e um vice-primeiro-ministro, Paulo Portas, de quem não gosta”. O silêncio de Cavaco, em Portugal e no estrangeiro, “é significativo do medo com que está como protector de um Governo que todo o povo odeia”, considera Soares. "Temos um Presidente da República que não sabe o que está a fazer."

Na entrevista fala também de António Costa, actual presidente da Câmara de Lisboa, considerando que este é “o melhor candidato” para Presidente da República. Mas espera para ver quem será o candidato da direita. “Suponha que é o Rui Rio”, atira, acrescentando que o ex-presidente da Câmara do Porto “tem falado bem e com grande inteligência”. “Tomáramos nós que viesse Rui Rio, porque Rui Rio é uma pessoa que sabe o que quer e que sabe o que faz”, afirma, explicando que o que está em causa não são partidos, mas sim "gente honesta".

 

Comentários:

  

JOÃO ALEXANDRE-ABRANTES

Aposentado , Abrantes

Não é a 1ª vez(pelos vistos poderá não ser a última)como apoiante de outrora em tantas lutas políticas do sr. Mário Soares me vejo forçado a confessar.."Já não consigo entender este democrata"..por outro lado não percebo a passividade da PGR perante este senhor(a não ser que ele esteja autorizado no nosso regime/sistema democrático a dizer o que lhe apetece)..certamente o defeito é meu..mas..deixem-me que diga com toda a frontalidade..sinto-me deveras "chocado"..isto não são modos que alguma vez esperasse vir a assistir da parte de alguém com o passado de actuação quer de PM quer de PR do sr. Mário Soares..pelo que sou levado a concluir que ou ele ou eu devemos estar algo doentes..até percebo que por vezes o "ódio" cega-nos mas as posições(como estas) ultimamente de MS passam os limites!!!

 

   MAS HÁ QUE DIZER:

   __ HOJE DE FACTO O PAÍS ESTÁ NUMA ENCRUZILHADA "QUIÇÁ FATAL". QUASE 40 ANOS APÓS O 25/4/74(NESSE DIA HER-

       DÁMOS UM PAÍS ARCAICO EM MUITOS ASPECTOS MAS EM SITUAÇÃO ECONÓMICA/FINANCEIRA RAZOÁVEL...BdP CHEIO

       DE DIVISAS E TONELADAS DE OURO E ESCUDO EM SITUAÇÃO DESAFOGADA...REGRESSA ENTÃO DO EXÍLIO(?) MS DE 40

       E POUCOS ANOS QUE 2 ANOS DEPOIS ASCENDE A PM...DECORRIDOS CERCA DE 4 ANOS DA "ABRILADA" O PM SR.MS VÊ-

       -SE FORÇADO A PEDIR A INTERVENÇÃO DO FMI IMPONDO AOS PORTUGUESES SACRIFÍCIOS...LÁ ALIVIÁMOS...MAS EM 

       1983-1985 NOVAMENTE COM O SR. MS COMO PM VOLTÁMOS AO "FOSSO"ELE VOLTA A PEDIR A INTERVENÇÃO DO FMI

       IMPONDO DESTA VEZ NOVOS E MAIS SÉRIOS SACRIFÍCIOS AOS PORTUGUESES...ENTRETANTO E DIGA-SE POR GRANDE

       MÉRITO DO SR. MS EM 1985 ADERIMOS Á COMUNIDADE EUROPEIA SEGUINDO-SE ANOS EM QUE ENTRAVAM NO PAÍS SE-

       GUNDO OS SOCIALISTAS MILHÕES POR SEGUNDO DE FUNDOS DE AUXÍLIO COMUNITÁRIO QUE PERMITIU QUE SE FIZES -

       SE PELO E NO PAÍS ALGO DE APRECIÁVEL MAS NÃO O ESSENCIAL COMO SE IRIA DEPOIS VER...LÁ ALIVIÁMOS...NO DE -

       ALBAR DO SÉCULO ADERIMOS AO EURO...NOS FINAIS DO ANO DE 2001 FOI PERCEPTÍVEL PARA OS MAIS ATENTOS QUE

       IRÍAMOS INICIAR CAMINHO " MUITO PANTANOSO " QUE ACABOU POR LEVAR EM MEADOS DE 2011 NOVAMENTE O PAÍS

       A VOLTAR A PEDIR AJUDA EXTERNA/DESTA VEZ TROIKA-OU SEJA FMI + UE SOBRE CUJA " PATA!" NOS ENCONTRAMOS)

       PORTUGAL ESTÁ HOJE NA "DESGRAÇA"QUE SE VÊ E PASSOU A TER Á FRENTE COMO PM HÁ 28 MESES O SR.PEDRO PAS -

       SOS COELHO/CURIOSAMENTE DE IDADE NÃO MUITO LONGE Á QUE TINHA MS EM 1974/...DONDE NÃO SE ENTENDER(?)

       COMO PODE HOJE O SR. MÁRIO SOARES VIR...ALVITRAR O QUE NUNCA COMO PM ALVITROU OU SEJA O NÃO PAGAMEN-

       TO DA DÍVIDA AOS CREDORES/ACUSANDO-OS BEM COMO OS MERCADOS COMO NUNCA OS ACUSOU QUANDO PRECISOU

       DELES ANTES PELO CONTRÁRIO?...

 __   NOS PERÍODOS DAQUELAS INTERVENÇÕES EXTERNAS NO TEMPO DE MS E ORA DE PPC HÁ CONTINGÊNCIAS BASTANTES

       DIFERENTES...COM MS TÍNHAMOS O ESCUDO COMO MOEDA O QUE PERMITIA CERTAS DECISÕES AUTONÓMICAS...COM

       PPC TÊMOS CERTAS LIMITAÇÕES(0 EURO E REGRAS COMUNITÁRIAS) QUE NOS TIRA AUTONOMIA DECISÓRIA...MS SABE-

       -O PERFEITAMENTE...MAS CLARO TAMBÉM HÁ DIFERENÇAS PESSOAIS ENTRE AMBOS...APESAR DE IDADES SEMELHANTE

       Á DATA DA ASCENSÃO A PM...NÃO SE PODEM COMPARAR QUANTO A EXPERIÊNCIA POLÍTICA...MAS É EVIDENTE QUE EM

       TERMOS DE SERIEDADE/HONESTIDADE/DETERMINAÇÃO/ESPÍRITO DE SACRIFÍCIO PELO PAÍS PEDRO PASSOS COELHO NÃO

       FICA NADA ATRÁS DE MÁRIO SOARES, EMBORA VAIADO POR TODO O LADO E NÃO TOMADO A SÉRIO INTERNA/EXTERNA-

       MENTE COM UM GOVERNO COMPOSTO POR PESSOAS DELINQUENTES OU QUE PARECIAM(?) SIMPÁTICAS E SÉRIAS SEGUN-

       DO MS,CONTINUA FIRME NO POSTO E ISSO IRRITA MS...

 ___ DIZ MS QUE ESTE GOVERNO É COMPOSTO DE DELINQUENTES QUE TERÃO UM DIA DE SER JULGADOS...ENTÃO SE PERCEBO

       AS RAZÕES POR QUE O PRECONIZA ENTENDO QUE MUITOS DOS EX-GOVERNANTES(PELO QUE DEIXEI ATRÁS SUBJACENTE)

       TERÃO DE O SER TAMBÉM...MAS...ESSE JULGAMENTO ESTARÁ ASSEGURADO NA DEVIDA ALTURA NAS URNAS COMO ALIÁS

       SEMPRE TEM ACONTECIDO DESDE 25/4...

 ___ DIZ MS QUE TÊMOS UM PR QUE NÃO SABE O QUE ESTÁ A FAZER... NÃO SERÁ QUE TÊMOS UM EX-PR QUE TAMBÉM JÁ NÃO

       ATINA COM AS CONSEQUÊNCIAS DO QUE ANDA A FAZER?...

         EM CONCLUSÃO..MÁRIO SOARES DÁ A IMPRESSÃO QUE DEIXOU DE TER OS PÉS ASSENTES NA TERRA...

      

      

      

  

      

   

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:34


YES...WE CAN SAY !

por O Fiscal, em 12.10.13

HÁ UM TEMPO ATRÁS O PRESIDENTE AMERICANO SR. BARACK OBAMA DISSE A DETERMINADO PROPÓSITO...««« QUE OS ESTADOS UNIDOS NÃO ERAM COMO PORTUGAL »»»...

  DE HÁ UNS DIAS PARA CÁ SÓ OUVIMOS FALAR NO " SHUTDOWN AMERICANO " OU SEJA NA IMINÊNCIA DE IMCUMPRIMENTO...

 ORA DE FACTO COMPARAR PORTUGAL COM USA É COMO " FORMIGA AO LADO DE ELEFANTE " EM QUASE TODOS OS ASPECTOS DA VIVÊNCIA DOS DOIS POVOS E NISSO ELE ATÉ TEM ALGUMA RAZÃO...MAS...QUE TÊMOS ALGUMAS PARECENÇAS...LÁ ISSO TÊMOS...POR EXEMPLO...A DA TENDÊNCIA PARA A BANCARROTA...MAS MESMO AQUI NÓS ASSUMIMOS E LEVAMOS POR TABELA ENQUANTO NOS EUA PARECE QUE ASSOBIAM PARA O AR...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:15


A CORRIDA AO SPRINT!

por O Fiscal, em 12.10.13

ORA AQUI TEMOS UMA OPINIÃO...(INSUSPEITA DE ALGUÉM ALGO LIGADA AO PS) QUE TALVEZ PONHA A NU "UM CERTO JOGO"A QUE ESTAMOS A ASSISTIR...QUE SUBSCREVO NA ÍNTEGRA...ACHO MESMO QUE DE FACTO ESTAMOS NUMA CORRIDA AO SPRINT EM QUE OS DOIS CONTENTORES JÁ ESTÃO A UTILIZAR AS ÚLTIMAS CARTADAS FACE AODESFECHO/RESULTADO FINAL...

A DÚVIDA MAIOR:
 Por; Daniel Bessa-Expresso de 5/10/13
A dúvida maior que, neste momento, paira sobre o nosso país é saber se o Estado português conseguirá, ou não, solver os seus compromissos de ordem financeira (pagamento de dívida contraída no passado) no próximo ano. Razões de prudência costumam exigir um mínimo de um ano de antecedência para se responder afirmativamente a esta questão e, neste momento, no início de outubro de 2013, não estamos ainda em condições de o podermos fazer.
Dados os montantes envolvidos, a solução só poderá ser uma: sermos capazes de contrair, no mercado, em condições aceitáveis, nomeadamente de taxa de juro, os financiamentos indispensáveis.
Daí a importância atribuída à taxa de juro da dívida pública a dez anos, no mercado secundário, que funciona como principal indicador avançado de dispormos, ou não, da capacidade de emissão requerida.
Foi Fernando Teixeira dos Santos quem, um dia, pronunciou o que ficará como uma espécie de “número mágico”, que hoje nenhum português ignora: acima de 7%, impossível, teremos de pedir ajuda. Foi assim em 2011.
Não adianta, agora, perder muito tempo com a história recente desta variável: tendo chegado a ultrapassar os 20%, caiu, depois, consecutivamente, o que permitiu, no dia 7 de maio último, a emissão de um montante de 3 milhões de euros de dívida pública portuguesa a dez anos, à taxa de 5,75%, numa operação sindicada com seis grandes bancos. A realização desta operação nunca teria sido suficiente para darmos o problema por resolvido, sendo certo que a situação se degradou, depois, com a crise política de julho: as taxas voltaram a níveis superiores aos 7% de que só baixaram, ligeiramente, nos últimos dias.
A dúvida terá de ficar resolvida muito em breve, seguramente antes do final do ano. Se a resposta não for satisfatória, restará uma segunda operação de resgate, como única forma de evitar um incumprimento puro e simples do Estado português perante os seus credores.
Uma segunda operação de resgate acelerará a vida política portuguesa: as entidades financiadoras (Comissão Europeia, BCE e FMI, este, desta vez, com uma participação mais reduzida) imporão condições, exigirão a assinatura do PS, e este imporá como condição a realização de eleições antecipadas.       O PS parece, neste momento, colocar todas as suas forças neste cenário. O Governo, pelo contrário, faz tudo para o evitar: valoriza os dados que apontam para um início de recuperação da economia, proporá à Assembleia da República um orçamento para 2014 com um défice de 4% do PIB, espera um desfecho favorável para o exercício de avaliação que está a ser realizado pela troika.


Numa corrida que será decidida ao sprint, o PS leva vantagem: tem a seu favor a incerteza da actuação do Tribunal Constitucional e a falta de consenso político, num processo em que é não apenas actor primordial como primeiro (porventura único) interessado. O Governo tem contra si a crise política que ele próprio provocou, no último verão, e, sobretudo, a aparente incapacidade de avançar na reforma do Estado.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:21


FRANCAMENTE...ASSIM NÃO !

por O Fiscal, em 12.10.13

JULGAVA EU...DESTA VEZ " O REGABOFE " DA RTP VAI ACABAR...PARECE QUE ME ENGANEI...SE CALHAR É VERDADE AQUELE DITO POPULAR " A PENSAR MORREU UM BURRO "...

 

 http://www.publico.pt/politica/noticia/governo-tenciona-aumentar-a-taxa-do-audiovisual-para-financiar-a-rtp-1608832

 

 Governo vai aumentar a taxa do audiovisual para financiar a RTP

 

   

Comentários:

JOÃO ALEXANDRE-ABRANTES

Aposentado , Abrantes

Bom...atão tá bem!...se bem me lembro...há uns tempos atrás o ex-ministro sr. Miguel Relvas anunciava que a RTP deixava a partir de 2014 de receber do Estado - via OE indemnizações compensatórias(ou melhor os contribuintes deixariam de contribuir com os seu impostos / digo eu " para a fartasana na RTP ") passando a sustentar-se pela CAV(aquela célebre taxa que pagamos na factura da luz) - publicidade e outras operações financeiras...confesso...rejubilei/tratava-se de ideia bastante justa...hoje ao ler esta local fiquei decepcionado...pois...aquela minha expectativa gorou-se...é que afinal tudo parece ir continuar(na íntegra ou parcialmente) na mesma...ou seja...ilude-se a opinião pública...deixa de se chamar indemnização compensatória para se denominar de taxa sobre taxa..LAMENTÁVEL..!!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:46


FINALMENTE?

por O Fiscal, em 10.10.13

FALA-SE POR AÍ NA INTENÇÃO GOVERNAMENTAL DE NA DESTRIBUIÇÃO DOS SACRIFÍCIOS QUE ESTÃO A SER IMPOSTOS A TODOS NÓS SER EXIGIDA TAMBÉM ALGUMA CONTRAPARTIDA A CERTOS POLÍTICOS...É O CASO POR EXEMPLO DAS SUBVENÇÕES VITALÍCIAS...

 

     http://www.publico.pt/economia/noticia/subvencoes-vitalicias-de-politicos-vao-ter-corte-de-15-1608644

 

  

Subvenções vitalícias de políticos vão ter corte de 15%

Medida deverá ser apresentada nesta quinta-feira em Conselho de Ministros para integrar Orçamento do Estado para 2014.

Feitas as contas, os beneficiários são cerca de 400 David Clifford

 

    QUE DIZER?

 

        

Comentários:

 

JOÃO ALEXANDRE-ABRANTES

Aposentado , Abrantes

Que tal?...esperemos que esta medida avance ...dizem uns que é demais e injusto este corte..outros dizem que devia ser maior ou mesmo total..pelo menos é um primeiro passo...lamentável é...o governo não ter optado pelo anúncio lá muito atrás deste corte á cabeça de todos os outros que vimos conhecendo nos últimos tempos...e mais ainda que os respectivos visados(apesar da legalidade da percepção) não tenham antes sentido um pingo de humildade(note-se de certo modo nenhum deles subsiste á custa da subvenção) de solidariedade quiçá dando um primeiro passo de sua abdicação pelo menos temporariamente pois isso só lhes ficaria bem face aos sacrifícios a que muitos dos portugueses mais desprotegidos estão a ser sujeitos...eh! ás vezes é preciso e conveniente que o exemplo venha de cima...!!!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:56


" O PAÍS PERGUNTA "

por O Fiscal, em 10.10.13

A RTP1 INICIOU ONTEM O NOVO FIGURINODE PROGRAMA INFORMATIVO " O PAÍS PERGUNTA " COM  INTERVENÇÃO DO PM SR. PEDRO PASSOS COELHO...QUE DIZER?

 

 http://www.publico.pt/politica/noticia/passos-diz-que-governo-vai-estudar-mudanca-no-iva-da-restauracao-1608619

 

 ........programa da RTP O País Pergunta.....

 

 

Comentários:

 

JOÃO ALEXANDRE-ABRANTES

Aposentado , Abrantes

Assisti na íntegra ao programa "O País Pergunta"de ontem na RTP1...no balanço que faço destaco os seguintes pormenores:1-vi o PM de modo assaz descontraído, em clima de proximidade com os seus inquiridores, bastante determinado na defesa dos seus diversos pontos de vista(concorde-se ou não com ele) face ás questões que lhe iam sendo colocadas mas de certo modo por várias vezes impedido de explanar convenientemente as respostas(donde ter quiçá ficado a sensação de que respondeu a tudo menos ao que foi perguntado como já ouvi por aí)...2-Mesmo por e essencialmente por ter sido a primeira vez deste "figurino"julgo que se trata de um formato agradável e salutar mas a precisar de "limagem de certas arestas",por exemplo-talvez o número de perguntas para a duração não devesse ser + de 10-12..!!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:42


QUEM TEM RAZÃO?

por O Fiscal, em 08.10.13

NA AUDIÇÃO HOJE NA AR(COMISSÃO RESPECTIVA) DO MINISTRO DE ESTADO E NEGÓCIOS ESTRANGEIROS SR. RUI MACHETE, O DEPUTADO SOCIALISTA SR. PEDRO SILVA PEREIRA PASSOU AO ATAQUE DE MODO DEVERAS CONTUNDENTE...QUE DIZER?

 

 http://www.publico.pt/politica/noticia/silva-pereira-para-machete-a-esta-hora-ja-nao-devia-ser-ministro-1608456

 

Silva Pereira para Machete: “A esta hora já não devia ser ministro”

Pedro Silva Pereira, deputado do PS

 

 

Comentários:

JOÃO ALEXANDRE-ABRANTES

Aposentado , Abrantes

Palavra do socialista(?) sr. Silva Pereira...versus...Palavra do ex-socialista(?ou melhor do anti-actual PS) sr. João Alexandre...para o sr. MNE sr. Rui Machete " De facto a esta hora já não devia ser ministro e devia ter a lucidez de já não ter comparecido hoje na comissão "...mas...diria eu ainda mais...ainda bem que tive o privilégio em 5/6/11 de contribuir para dizer ao sr. Silva Pereira " A partir de hoje o senhor deixa de ser ministro e deve ter a lucidez de perceber o porquê "...contudo ainda bem que estamos em democracia pois..."mesmo que o considere infelizmente" continua a ser possível ouvir na AR e mesmo em público " pessoas como o sr. Silva Pereira " que...deixem-me que o diga...se o sr. Silva Pereira tivesse " um pingo de lucidez " devia em muitas ocasiões estar calado...!!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:27



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Outubro 2013

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D